quinta-feira, julho 09, 2009

Conversas soltas...

Agora são tantas e com tanta frequência que às vezes me esqueço das gracinhas todas, mas quero deixar algumas registadas...

O meu pai fez aniversário na 3ª feira e como a minha mãe tinha sido operada a uma vista no mesmo dia, eu resolvi preparar o jantar para que mesmo assim, pudéssemos assinalar a data, mas faltava-me as velas, para o bolo que já tinha feito.
Fui buscar o Gil à ama e disse-lhe que ainda íamos comprar as velas para o bolo de aniversário do avô.
Mal me vê virar para a esquerda em vez de ir para a direita (caminho da farmácia, ele lá devia pensar que ali também se vendiam velas! LOL), dá-me um grito da parte de trás do carro:
- Não prá'qui! É prá'li! Mau Maria, aí, aí!
Que filho mais taralheco que me havia de sair! Eheheheh

Lá fui comprar as velas. Quando saímos da loja, ao lado há também um café, ele vira-se para mim e diz:
- Vai um cafexinho?
- Oh filho, um cafezinho????

Um dia destes passámos por debaixo de um túnel (e passamos muitas vezes tanto na CREL como na CRIL) e ele diz:
- Olha um chinél!
- Oh filho, isto não é um chinelo! É um túnel!
- Não é, não! É uma garagem! - tem sempre argumentos para tudo, a quem sairá? Ehheheheh

Um dia destes, numa luta para o fazer dormir, deita-se de barriga para baixo na cama, com a cabeça segura entre as mãos e os cotovelos assentes na cama, vira-se para mim e diz, com o ar mais compenetrado do mundo:
- Olha, xabes uma coisa?
Eu e o pai não conseguimos conter o riso! E ele acrescentou à frase uma história interminável... já nem me lembro do quê!

Agora, quando faz afirmações (todas elas muito convictas!), termina com uma pergunta emblemática: "Xabias?"

Com certeza que há mais gracinhas linguísticas, mas neste momento não me recordo de mais...
Mas só para adiantar qualquer coisita dois últimos dias (quero ver se tenho tempo de fazer um post sobre isso) ele delirou com o Festival do Panda!
O desfralde continua em stand-by, o xixi corre muito bem e às vezes já pede, mas parece-me que ele ainda não percebeu muito bem a diferença entre xixi e cocó, pois ele pede sempre para fazer cocó, em vez de xixi e o que faz bem na sanita é só mesmo o xixi, quando é altura de fazer cocó, nem diz nada... há que ser paciente...

2 comentários:

Sandra e Afonso disse...

Lol
:-)))))
Fase linda esta!
O Gil está um delicia!
Beijo!

Sandra

Sandra e Dinis disse...

Tão engraçado que ele está!

E devar se vai ao longe não é, é preciso é ter paciência.

Em ralação aos amaciadores, eu sou como tu ainda não atinei com um que gosta-se!

Bjs