domingo, setembro 30, 2007

Que coisa engraçada...

O nosso dia de ontem foi bem passado, de manhã fomos ao Odivelas Parque fazer umas compritas, que já faziam falta e é engraçado ver a quantidade de gente que se mete com o Gil, até porque ele espalha sorrisos para quase toda as pessoas que tendem a mimá-lo.
Parece que a fase das birras já passou à história, já só faz birras quando está com muito sono e não é sempre. Podemos fazer as compras descansados, mas não o levei no carrinho de transporte, porque sei que ele detesta e aí haveria birras com toda a certeza, usámos um carro de compras com cadeirinha para bebés, ele dali vê tudo e adora!
Aproveitámos para lhe comprar este miminho:

É um DVD com videoclips, para ver se ele se mantém quieto mais do que dois minutos! LOL
Depois viemos para casa almoçámos e ficamos por aqui até cerca das 18h30. Depois fomos jantar a casa de uma das minhas cunhadas e com a família paterna toda reunida, o Gil esteve sempre contente e alegre.
Quando regressámos a casa (ainda tivemos um encontro imediato com a família debaixo, que surpreendentemente me disseram "boa noite", sem que eu lhes tivesse respondido, claro, querem o quê? Batatinhas, não? Vão mas é para... enfim...) tive de acordar o Gil porque adormeceu no carro de tão cansado que estava, para lhe dar banho, dar-lhe o biberon e finalmente deitá-lo.

Geralmente eu dou-lhe o banho, seco-o, coloco-lhe a fralda e é o papá que lhe veste o pijaminha, enquanto eu vou buscar as vitaminas e preparar-lhe o biberon. Depois deitado na nossa cama bebe o biberon e há dias que fica a dormir, outros nem por isso, mas mal acaba de beber o biberon, ou o que tem vontade, porque nem sempre o bebe todo, espeto-o na caminha dele, mesmo que ele esteja acordado.
Às vezes fica ali imenso tempo a palrar, a mexer no brinquedo da Chicco, a dar voltas e mais voltas até que acaba por adormecer. Eu vou ouvindo-o pelo intercomunicador e quando vejo que finalmente adormeceu, vou ao quarto ver como ele está, pois há dias que adormece de cú para o ar, outros adormece com a cabeça para os pés, às vezes fica todo torto e eu faço questão de ir ver como é que ele está, para colocá-lo como deve ser.

Ontem aconteceu tudo tal como disse. Quando chego ao quartinho dele, dou com ele com a cabeça para os pés e até aí nada de novo... ele ainda não estava bem a dormir e começo a tentar descobrir onde estava a chucha. Passo a mão por cima do peito dele, aconchegando o pijama à procura da chucha e sinto ali qualquer coisa... pensei que ele tinha enfiado a chucha dentro do pijama, mas quando começo a ver melhor não era a chucha que ele lá tinha, saio do quarto a rir desalmadamente!
Chamo o L. para ver as coisas que ele faz ao filho!


Alguém imagina o que é que ele tinha dentro do pijama???


E só porque me apetece fazer suspense, não vou contar hoje! :P

Agora outras novidades:
Ontem pela primeira vez vi o Gil a sentar-se sozinho, mas ainda anda em fase de testes, não consegue sempre faze-lo e só o faz quando está agarrado a qualquer coisa e depois desce um pouco e fica sentado, mas não consegue faze-lo estando deitado.

O meu cuquito hoje também ganhou o seu primeiro "galo" na testa. Estava com o papá em cima da cama atirou-se para cima das pernas dele, coisa que ele faz frequentemente e nem sempre estamos à espera que o faça e o resultado foi ter batido com a testa na trave da cama. Fartou-se de chorar, mas com os miminhos da mãe passou logo. Ficou negro e rapidamente fui buscar uma "barra" gelada que tenho sempre no frigorífico e já quase nem se nota.


sexta-feira, setembro 28, 2007

Fotos dos 9 Meses

O dia de ontem também foi agitado e o de hoje também tem sido...
Ontem, tal como disse, passei a manhã à espera da consulta do Gil, vim a correr para deixar o Gil na ama, depois vim a casa de fugida e fui à entrevista. Correu bem, mas é o cliente final que decide e até agora ainda não me ligaram para lá ir à entrevista... estou à espera (e cansada disto tudo, bolas!). Quando sai da entrevista já eram 16h30, apanhei o metro, fui buscar o carro, passei pela farmácia para aviar o xarope do Gil, comprar uns Ben-r-Un para a constipação do meu avô e umas gotas para a tensão baixa, e depois fui buscar o Gil à ama.
Depois fui aos meus avós (felizmente hoje o meu avô está melhor, parece que as gotas para a tensão fizeram-lhe bem!) e fui tratar dos cães do meu pai, que coitados estavam esganados de fome!


Hoje deixei o Gil na ama, fui comprar uma bomba de água para uma das carrinhas da empresa do meu pai que se avariou, fui aos correios levantar uma carta e meter outras, fui ao multibanco fazer uns pagamentos, fui à Amadora pagar um seguro de mais uma carrinha da empresa, passei por casa dos meus pais a deixar tudo o que era de lá e fui ver os meus avós.
Daqui a pouco vou ao Sporting efectuar o pagamento da inscrição e da mensalidade da natação do Gil, e é mais um dia sempre a abrir...

Mas vim aqui deixar-vos umas fotos dos 9 meses do meu nino:


Aqui é ele em cima da cama, com o "pijama do prisioneiro" (comprei-o para 9 meses, mas já não lho volto a vestir pois já está super apertado como se pode ver...).


Aqui está ele em pé na caminha dele, de volta do brinquedo da Chicco "Mimos da Mamã", que ele adora mexer e remexer!

E aqui podem ver os dois ratitos debaixo (se clicarem na foto vê-se melhor). Digam lá como é que tendo ele esta cara de bolachinha pode pesar tão pouco? Já não me preocupo com isso pois vejo que ele está óptimo e rechunchudo, mas faz-me confusão como é que ele tem tão pouco peso, se aparentemente está tão gordinho...

quinta-feira, setembro 27, 2007

Mais um Mesito...

Não podia deixar de vir assinalar esta data, mesmo sendo a correr...
O Gil tem estado constipadito e com tosse, mas felizmente nada de febre, segundo a médica deve ser por causa dos dentes. A consulta dos 9 meses era para ser na próxima semana, mas anteciparam para hoje.
E aos 9 meses, o Gil está com 7550 Kg, mantendo o seu percentil de sempre, abaixo do 5 e de comprimento penso que esteja com 67 cm (mais tarde confirmo).

Aprendeu não sei como a fazer sons de índio, coloca as costas da mão na boca e faz imensos sons! É só rir! Descobriu também que tem os dentes de cima e passa imenso tempo a range-los (que som mais desagradável! ui!). Ontem tive de retirar o berço de dentro da cama de grades, pois ele coloca-se em pé e estava mesmo a ver quando é que ele vinha cá parar fora... Só quer é andar no chão a rastejar, a saltitar, em pé agarrado às coisas e às vezes pede colinho também!
Está lindo, lindo, lindo!
E sendo já um lugar comum em todos os baby blogs, como é que já passaram 9 meses????
Obrigada às meninas que já passaram por aqui a dar-lhe os parabéns de mais um mesário!
Muito mais haveria a dizer, mas agora não me lembro e estou sem muito tempo...

Eu ontem tive um dia para esquecer... os meus avós já são velhotes e sabemos que a vida não é efémera... a minha avó tem 81 anos e o meu avô 84 anos. Os meus pais foram de férias para fora uma semanita, que bem merecem e se não aproveitarem agora, depois não se sabe se poderão faze-lo, e deixaram os meus avós no Algarve, muito por teimosia do meu avô que acha que ainda tem 20 anos e contra a vontade de todos nós. Ora, aconteceu aquilo que já era esperado, ele sentiu-se mal e não tinham lá ninguém para olhar por eles, então lá fui eu fazer de motorista e fui buscá-los...
8h30 - Acordei, despachei-me, levantei o Gil, dei-lhe biberon, vesti-o e esperei que o L. viesse da Inspecção do nosso carro para me ir levar à casa dos meus pais, para ir buscar a carrinha do meu pai.
9h45 - Deixámos o Gil na ama.
10h10 - Saio de casa dos meus pais, com a carrinha deles e o depósito atestado, em direcção ao Algarve.
12h40 - Chego a Quarteira e vou comprar lentes de contacto (porque comprando lá poupo cerca de 9 euros em cada caixa).
13h05 - Chego à casa dos meus avós.
14h20 - Depois de colocar tudo no carro e dar uma simples arrumação na casa, estando os velhotes já no carro, saimos em direcção a Lisboa.
17h20 - Chegamos a casa.
18h - Depois de colocar tudo em casa dos meus avós e de conseguir tirar o meu avô do carro e acreditem que foi bem dificil, pois ele tem a tensão baixa e está muito fraco, quase nem conseguia atravessar a estrada, tive de mandar parar os carros... fui então buscar o Gil.
18h20 - Levo o Gil para os meus avós o verem.

E é claro que o dia continuou, mas tendo sido um dia tão stressante, o meu melhor momento foi quando fui buscar o Gil, as saudades dele já eram imensas, não sei se foi por me ter afastado mais do que o habitual... também o fui buscar mais tarde. Ele saltou para o meu colo, fez-me imensas festinhas na cara e encostava a sua cabecinha à minha a dar-me miminhos, nunca o tinha visto fazer isto, mas soube tão, mas tão bem... como se o mau dia se tivesse esvanecido!
O meu avô deverá ser hoje consultado ao domicilio e ainda não sei como vai ser.
Eu vim de fugida a casa e vou a uma entrevista de emprego, o emprego é apenas para uma substituição de baixa e por apenas 15 dias, mas o ordenado base é bom e mesmo que sejam só duas semanas, sempre entra no currículo e fico conhecida naquela empresa de trabalho temporário... a ver vamos se sou seleccionada.

segunda-feira, setembro 24, 2007

É este o país que temos...

Desde já quero agradecer a todas quanto passaram por aqui para saber se estava mais animada!
E sinceramente não sei... isto é, há alturas que nem me lembro disto tudo, há outras que parece que não me lembro de mais nada!
Ah! E depois acontecem-me coisas que não lembram a ninguém... hoje de manhã fui levar o Gil à ama (que como sempre ficou a choramingar quando vim embora, mas ao que parece na 5ª e na 6ª feira portou-se bem e já se sente ambientado), depois passei pelo Feira Nova para fazer algumas compras para casa. O meu irmão ligou-me logo a seguir, para ir a casa dos meus pais, que estão de férias esta semana, porque o portão da garagem não abria e o empregado deles estava lá preso dentro. Lá fui eu em busca das chaves milagrosas que abrem o portão sem electricidade (não faço ideia o que é que aconteceu, mas a garagem está sem luz!). E como se isto já não fosse suficiente para me fazer perder 3 quartos de hora, quando cheguei a casa e comecei a colocar as compras dentro do elevador, deixei cair as chaves do carro dentro do poço do elevador! Oh balhamedeus!
Lá fui eu chatear o vizinho, que é bombeiro e é o "rei da bricolage" cá do prédio, para me resgatar as chaves. Felizmente ele também tem uma chave milagrosa, que tranca o elevador e abre a porta para poder ir buscar as chaves...

E agora, como eu não baixei os braços, já estou em casa e continuo a enviar "n" currículos e a ver o que há-de novo hoje, pois alguma coisa há-de surgir. Mas isto não significa que não me sinta indignada com as coisas que se passam neste país... acho que os portugueses se resignaram a ser os piores da Europa e actualmente temos governantes que entraram numa onda de "eu quero, posso e mando" e não há ninguém que lhes faça frente e por isso continuamos a ter os piores salários dos 25, a ter os combustíveis e as casas mais caras, a ter um custo de vida que não lembra senão a alguns países do terceiro mundo, a ter cada vez menos serviços públicos dignos que são altamente pagos por nós e enfim... é melhor nem continuar!

Mais uma vez peço desculpa pela ausência, mas o tempo que deixo o Gil na ama, dá-me para colocar algumas coisas em ordem, ver o que há de empregos e pouco mais.

O Gil está óptimo, continua a rastejar por todo o lado, mas em cima da cama é capaz de gatinhar... as últimas noites têm sido um bocadinho agitadas, não sei se serão os dentes, mas tem choramingado bastante (quando não grita!).
Já se tenta colocar em pé sempre que pode, daqui a pouco já anda... bolas que o tempo foge de nós a 7 pés e eu sinto que não consigo apanhá-lo...

Agora só para terminar, no feriado que se avizinha vou para aqui, para ver se me afasto um pouco, se tenho um pouco de sossego e mudo de ares:

quinta-feira, setembro 20, 2007

Vazio...

É o que sinto hoje... sinto-me desiludida com este país! Sei que é uma repitação do post de ontem, mas é o que sinto.
Não consigo deixar de sonhar que um dia a sorte do euromilhões ou do totoloto me baterá à porta e por isso jogo religiosamente todas as semanas o mínimo permitido, mas racionalmente sei que a probalidade é pouca, se ao menos houvesse por aí um rasgo de sorte...
Estou farta desta casa e não suporto a ideia de me cruzar com os vizinhos, apetecia-me desfazer-lhes a cara! Dar-lhes uma tareia, abrir-lhes a cabeça e faze-los perceber que não devíamos ser nós a passar por isto, mas sim o construtor e obrigá-los a desistir do processo e a reembolsar-nos o que já gastámos, mas neste país a justiça está do lado dos sacanas...
Mais dia menos dia, metemos a casa à venda, porque nada nos impede de vender a casa. O construtor perdeu um caso com um dos vizinhos que pediu o reembolso de algum dinheiro gasto em obras. Não recebeu tudo, mas recebeu quase tudo. Iremos avançar também com um processo sobre ele, iremos arranjar a casa e mete-la à venda, mas o problema é conseguir comprar outra casa com este valor, quando nós precisamos é de comprar uma casa com um valor mais baixo, para a prestação da casa ser mais reduzida, porque actualmente é quase o valor do meu subsídio.

A saga do emprego continua, tenho enviado currículos e toneladas de currículos... ordenados vergonhosos é o que nos propõem, mas daqui a dois meses o subsídio acaba-se e as contas são certas... ainda terei direito ao subsídio social de desemprego, mas acredito que seja uma miséria e além disso estou cansada de estar em casa e de me sentir inútil!
É como já algumas de vocês dizem, pedem mil uma coisas para pagarem o mínimo, até me farto de rir, quando leio anúncios do tipo: "mínimo 12º ano, preferencialmente com licenciatura, conhecimentos de informática, experiência na função e domínio de inglês, francês e espanhol, ordenado: 550 euros!".
Mas será que não sabem que para se saber três línguas além da materna, é necessário despender dinheiro em cursos, porque não é com nosso ensino público que isso se consegue? Também não sabem que para se saber de informática, tem de se tirar um curso ou gastar pelo menos 600 euros num computador e muitas horas de treino? E depois ainda há os anúncios que pedem secretárias entre os 20 e 25 anos, com disponibilidade horário e disponibilidade para viagens, porque não dizem logo no anúncio que também tem de estar disponível para ser comida pelo patrão???? Santa paciência!
Mais uma vez perdoem-me o desabafo. Amanhã tenho uma entrevista, mas já prevejo que as condições sejam semelhantes às descritas e já nem sei o que fazer... além disso o horário também não me agrada, enfim...

A ama hoje descreveu o Gil como sendo "uma força da natureza", eu sorri e achei que ela tinha realmente razão, nada descreve tão bem este meu filho! É teimoso e quando quer alguma coisa, nada o pára, faz o que pode e o que não pode para conseguir o que quer! Parece incansável, pelo que as noites têm sido calmas, pois ele chega ao fim do dia tão cansado que depois de tomar banho, bebe o leite já a dormir.
Ontem quando o fui buscar começou a choramingar, como se tivesse a fazer queixinhas, mas depois ficou bem disposto e esteve assim desde as 17 atè às 22h, sempre alegre e activo! Foi ve-lo a rastejar pela casa da minha mãe o tempo todo, comeu bem e esteve sempre a sorrir e nem uma birra!
Mas para não variar, hoje de manhã ficou novamente a chorar na ama, começo a ficar desesperada, pois sinto-me tão mal quando saio de lá...

Hoje fui almoçar com a Gioconda para descontrair um pouco, tivemos um almocito rápido mas bom e deu para metermos a conversa em dia!

Desculpem-me a ausênsia nos vossos cantinhos, mas o tempo na net tem sido quase todo para a procura de emprego. Beijokas a todos e agradeço imenso as mensagens de apoio e com votos de coragem!

quarta-feira, setembro 19, 2007

...

Ao que me disse ontem a ama, o Gil pela manhã, logo depois de eu o lá ter deixado, fez uma das suas birras... daquelas que metem gritos e mais gritos, choradeira que nunca mais acaba e que nos deixam de cabelos em pé, sem saber o que fazer. Como a G. também já lá está (mas o A. está de férias esta semana) o choro foi contagioso e às tantas eram os dois a chorar... deve ter sido lindo! :s
E se há dias que eu penso que ele já está adaptado, o de ontem não foi um desses e hoje de manhã quando lá o deixei também não... o pouco tempo em que lá fico com ele, ele não tira os olhos de mim, com receio que eu me vá embora... e cada vez me custa mais, lá ir deixá-lo!

Ele continua um miúdo enérgico, sem parar um segundo, tanto que ama ontem me disse, "ele tem tanta vida que nunca está quieto e além disso acaba por nos cansar só de andarmos atrás dele ou de andar com ele ao colo", pois e eu sei bem isso! O seu passatempo predilecto continua a ser rastejar pela casa toda, em especial atrás do Patrick, que já se esconde dele!

Na segunda feira comecei a usar a dedeira para lhe levar os ratitos, ele achou imensa piada e passou o tempo todo a morder e já faz doer! Mordia-me e depois ria-se! É muito malandro este meu filho!
Agora quando se quer meter connosco, ri-se e abana a cabeça feito doidinho, o papá acha que ele aprendeu isso com um boneco que o padrinho lhe ofereceu, que também movimenta assim a cabeça.

Eu cá continuo a enviar currículos, mas até à data sem novidades, parece que o mercado de trabalho está cada vez mais fechado e já nem com cunhas conseguimos alguma coisa... começo a ficar desiludida com isto... até já envio candidaturas para funções que não me interessam... além disso os salários que se vêm são de brandar aos céus, como é se sustenta um filho com estes ordenados? Oh balhamedeus!
Cada vez me sinto mais desapontada com isto tudo, este país é uma miséria, parece que o que mais interessa é fazer algumas coisas bem feitinhas "para inglês ver" - veja-se o caso da Maddie, que já acho vergonhoso! - e para o povo que é quem merece e faz deste país a nação que é, não há qualquer tipo de retribuição.
Mas será que estes governantes são tão tapadinhos que não percebem que enquanto os ordenados forem estes, não há poder de compra e logo por conseguinte a economia não cresce? É preciso ser economista para perceber isto? Acho que basta um pouco de bom senso... que parece estar em vias de instinção para o nosso primeiro-ministro e demais! E depois vemos anunciadas medidas de "apoio à natalidade" ou lá como se chamam, que a mim me dão vontade de me deitar para o chão e rebolar a rir!
Sim, eu gostava de ter outro filho, mas não, não são estas medidas que me farão mudar de ideias e que me farão ter outro filho, porque não tenho condições monetárias para o fazer, não neste momento. Se viesse viria e seria bem recebido, podia não ter tudo e o Gil poderia ter menos coisas, mas não lhe faltaria amor, mas tendo em conta a vida como está, opto por dar mais coisas ao único filho que tenho.
Desculpem o desabafo, mas hoje não estou nos meus melhores dias...

segunda-feira, setembro 17, 2007

E assim se passou mais um fim de semana!

O nosso fim de semana foi realmente bem passado!
Estivemos rodeados de família que gostamos e apesar de pouco termos saido de casa, a verdade é que ali estávamos bem e nem sentimos necessidade de sair.
Só conseguimos sair daqui pelas 17h e chegámos lá quase às 21h, a viagem é cansativa e é só por isso é que não saimos mais vezes. Quando lá chegámos o Gil fez um dos seus berreiros, pois estranhou logo o padrinho e o pai dele, este meu filho parece que só estranha os homens, com as mulheres raramente faz isto... mas depois de se ter ambientado foi uma festa!
Rastejou-se pela casa toda e até fez umas boas sonecas, agora em relação à piscina é que ele já não achou muita piada... é como eu digo, é tal e qual o pai! Durante o fim de semana todo, o pai nem um mergulho deu na piscina e o Gil só foi, porque eu o levei, mas o puto também não gosta muito de água fria. Vamos a ver se depois não terei de desistir da natação...

Aqui ficam algumas fotos do fim de semana:




Este video foi feito graças à maluquice dos papás, do padrinho e dos primos, pois queríamos ver como o Gil reagia, se andasse de "barquinho" dentro da piscina (na verdade é a banheira de viagem dele), mas o rapazinho parecia ter medo e fartou-se de chorar, mais do que se andasse ao meu colo dentro de água, pelo que o retirámos logo a seguir:

video
Hoje, o Gil estava tão cansado que dormiu desde as 22h30 às 10h da manhã. Levei-o à ama quase às 10h30. E fiquei feliz por ver que ele a reconheceu e ficou todo contente por a ver, que bom!

P.S. Já cá cantam mais dois ratitos em cima, desde 6ª feira!

quinta-feira, setembro 13, 2007

Fim de semana com o Padrinho!

Ao que parece hoje o dia correu menos mal, na ama.
A ama diz que algum tempo depois de eu ir embora ele lá sente a minha falta e choraminga, mas pelo que ela me contou, eu cá acho que já nem é devido à estranheza e à minha ausência, pois ele sempre foi chorão e essa tal choraminguice deve ser do seu "feitiozinho"...
Ela diz que o que continua a ser mais complicado é o almoço e eu continuo a achar que se ela lhe desse as refeições numa cadeirinha seria mais fácil, pois é assim que ele está habituado, desde a sua primeira sopinha que ele come na cadeira de refeições, tentei dar-lhe ao colo umas duas ou três vezes, mas ele não achou muita piada e eu desisti... mas a cada dia que passa vejo que ele já está mais ambientado, até porque ela tem lá tido a neta mais velha, que tem 10 ou 11 anos e que adora crianças, adora dar-lhes mimos e andar com eles ao colo.
Hoje quando lá cheguei estavam lá mais três crianças entre os 4/5 anos e os 8, além da neta e do A., pelo que o Gil estava feliz da vida!

Amanhã vou deixá-lo mais cedo e buscá-lo mais cedo, porque vamos passar o fim de semana com o padrinho do Gil e os pais dele. Espero que o L. consiga sair logo depois de almoço, até porque também merece uma folgazita, desde que regressámos de férias, há já dois meses, que ele não chega a casa antes das 21h30...
Vamos até ao Algarve, onde os pais do padrinho do Gil têm uma vivenda com piscina e vou aproveitar para ver a reacção do Gil à piscina, já que em Outubro lá começam as aulitas no Sporting! Mas só de pensar nas tralhas todas que tenho de levar por dois dias... oh balhamedeus!

BOM FIM DE SEMANA A TODOS!

quarta-feira, setembro 12, 2007

Será que o disse com significado?

O dia na ama hoje voltou a ser menos bom...
Depois de lá estar um bocadinho lembrei-me que me esqueci da chucha dele, mas que falta a minha! Despedi-me dele e vim a casa a correr, buscar duas chuchas, uma para ficar na ama de reserva e aquela que ele usa habitualmente. Ele ficou a chorar. :(
Não me demorei e quando lá voltei ele ainda chorava, como já me tinha despedido dele, entreguei as chuchas à ama sem que ele me voltasse a ver, para não ficar confuso com o meu regresso, tão cedo.
Fiquei de coração partido ao ouvi-lo chorar... fui até à Decathlon só a pensar nele, nem me lembro do caminho que fiz... Já na Decathlon, procurei um fato de banho para mim, para ir com ele para a natação, não vi nada que gostasse e acabei por não comprar, como é só para o mês que vem, vou vendo noutros locais. Sei que tenho de usar touca, mas alguém me sabe dizer se o Gil também precisa? É que ali não há toucas para bebés...

Conforme combinei com ama, fui buscá-lo às 16h. Ela estava com ele cá fora no quintal e ele ficou todo satisfeito quando me viu. Ao que parece depois de eu ter ido embora foi complicado, mas acabou por acalmar, almoçou bem e ainda dormiu uma horita.
E a ama disse-me que ele já chamava bem o pai, que tinha estado no berço só a dizer "papa, papa, papa" eu ri-me e disse-lhe que ele diz isso sim, mas que ainda não lhe atribuí significado. Na verdade, quando geralmente acorda faz uma série de sons, mas não costuma dizer "papa" mas sim "baba", por isso não sei ao certo o que ele estaria a dizer.

Mas hoje fiquei surpreendida com ele... noto que está a ficar mais agarrado a mim e que fica com medo que eu me afaste. Já em casa da minha mãe, estava ao colo dela, quando se estica todo para vir para o meu colo e diz "mamã" e aqui é que eu fiquei sem saber, se ele estava mesmo a dizer aquilo com significado ou não... será que o meu menino já diz "mamã"?

P.S. Agora faz birras quando o tento colocar na cadeirinha do carro, será que associa a viagem de carro, ao nosso afastamento?

terça-feira, setembro 11, 2007

Última Hora

Coloquei o Gil sentado no chão, junto ao berço dele.
Quando olhei ele estava agarrado às grades e a colocar-se em pé... fui a correr ampará-lo, com medo que ele caísse, mas ele olhava para mim todo contente, como quem diz "consegui, consegui!".
E fiquei a questionar-me: "Mas ele já chegou a esta fase???" Bolas, o tempo corre mesmo rápido demais...

Recomendação e a Reserva Sportinguista!

Se repararem, há bastante tempo que tenho ali na barrinha do lado esquerdo a dizer: "Site Recomendado: Lojinha da Pipocas".
Por falta de tempo ainda não tinha colocado este post, mas decidi que de hoje não passava (enquanto o Gil dorme umas sonecas). Esta lojinha tem coisas divinais, lindas mesmo, feitas com imenso carinho e jeito, ideiais para presentes personalizados!
Foi através da blogosfera que o conheci e desde logo surgiu uma amizade virtual entre mim e a sua autora, assim já fiz 3 encomendas, tendo ficado satisfeitíssima com as mesmas!
A autora tem todas as cosinhas bem explicadas no site, com todos os pormenores, mas não é por isso que nos deixamos de nos surpreender quando recebemos uma encomenda sua, mas para perceberem o que eu quero dizer, têm mesmo de encomendar e ver o quanto a sua autora coloca um pouco de si mesma, em cada coisa que faz!

Aqui ficam as fotos da última encomenda:
Dois saquinhos multiusos e dois porta-chaves. Um dos saquinhos é para mim e o outro, mais os porta-chaves são para oferecer.

Nestas fotos vemos parte da primeira encomenda que fiz, um espeta-agulhas, com dois lados distintos (adoro o lado do ursinho!). Nessa primeira encomenda veio outro espeta-agulhas que ofereci à minha mãe.

Não tenho fotos da segunda encomenda, já que também foram coisinhas para oferecer, foi também uma bolsinha multiusos e um marcador de livros que dizia "TIA", para oferecer a uma tia paterna do Gil.

Actualização: Eu não tirei fotos, mas a Pipoquinhas tirou, aqui fica a foto da 2ª encomenda:


Posto isto só posso dizer que fiquei sempre satisfeita com as minhas encomendas e que recomendo vivamente este site, quer pelas coisinhas, quer pelo óptimo serviço prestado pela autora destas peças tão originais e bonitas!

Bem, quanto às novidades, ao que parece o dia de ontem correu um pouco melhor na ama. Ela disse que logo que ele deu pela minha falta chorou, mas ela lá o acalmou, mas de vez em quando lembrava-se e choramingava, mas já não fez fitas para almoçar, comeu tudo, como faz em casa. Parece-me que ele já a reconhece e reconhece também o A. que brinca muito com ele!
Quando fui buscá-lo ele estava ao colo da ama, que tentava pacientemente que ele adormecesse novamente, pois só tinha dormido meia-hora, coisa que eu sei ser praticamente impossível... ficou todo contente quando me viu, claro!
Há uma coisa na ama me agrada muito, muitas das coisas usadas na alimentação do Gil, isto é, nas sopinhas, vêm do seu quintal, pois ela faz criação de animais e cultiva algumas coisitas, acho que seria impossível encontrar isto noutra ama!
O Gil hoje não foi, devido ao feriado municipal, mas amanhã estará lá e novo, penso que, tal como muitas mamãs já disseram, aos poucos tudo estará normalizado.

Kya, concordo plenamente com o que dizes, que nos devemos despedir deles. Já li algumas coisas sobre isso, mas nestes primeiros dias achei que talvez não fosse mesmo bom faze-lo, já que ele desconhecia até o local. Também não sei se fiz bem... no fundo, acho que talvez tenha sido egoísta e não quissesse ve-lo de todo a chorar... mas amanhã já me irei despedir dele, pois acho que ele já irá reconhecer o sítio onde está. Falas da Ana e que ela até com os teus pais fazia birras, o Gil fica tão bem com os pais, como se fosse comigo ou com o pai, mas isso também se deve ao facto de ve-los quase todos os dias, já com os avós paternos (que vê uma vez por semana) ele não fica tão bem.

Quanto ao resto, o título do post prende-se com o facto do Gil já ter reservada a inscrição no Sporting, para iniciar a natação em Outubro! E é claro que um verdadeiro leão e gaijo que é gaijo, como deve ser, só podia ficar inscrito no melhor clube do país! :P

E agora apenas uns recadinhos, relativamente ao post anterior:
As mesas de cabeceira são mesmo daquelas que se escondem por detrás da cama, aliás esta cama é do IKEA, gama Malm. Mas o edredon não é novo, já nem sei quantos anitos tem, mas a colcha que vemos na outra cama não fica ali nada bem, por isso lá fui ao armário buscar esta.
E Ana, as coisas com os vizinhos estão na mesma, eles fazem tudo para não se cruzar com ninguém do prédio, até colocam o carro na garagem depois da meia-noite para não se encontrarem com ninguém, são os chamados "bichos do mato"! A verdade é que nunca mais tive o desprazer de me cruzar com eles, embora às vezes os veja a sair/entrar, se estiver de volta da roupa no estendal da cozinha. E havemos de vender esta casa, logo que as coisas estejam resolvidas. Não temos notícias nenhumas do processo, estamos a aguardar que a qualquer momento venha uma carta do Tribunal ou que o advogado nos diga algo.

segunda-feira, setembro 10, 2007

A saga da Ama e uma nova Aquisição

Hoje deixei o Gil na ama às 11h30... ele ficou bem, aliás ele fica sempre bem, até porque nunca dá conta de eu vir embora.
Disse à ama: "Hoje não lhe ligo, porque se o oiço a chorar fico super enervada... venho buscá-lo às 15h30, se por acaso vir que ele não está mesmo nada bem, ligue-me que eu venho buscá-lo antes."
Se por um lado o tempo passa rápido e eu não tenho tempo de orientar tudo cá em casa, por outro lado estou desejosa de ir buscá-lo, abraçá-lo, dar-lhe muitos beijinhos e saber como passou estas horas.

Lembram-se de eu ter dito que ia comprar uma cama nova, há não sei quantos meses atrás? Pois a compra teve de ficar adiada por questões financeiras (maldito vizinho!), mas agora recebemos uns euritos extra e lá fomos buscar a desejada cama.

Tínhamos o quarto assim, ainda com a cama que eu tinha na casa do Algarve:



E agora passámos a ter assim:




Digam lá se gostam da inovação...

Mas ainda temos esta cómoda para substituir:

Será substituida em breve com uma cómoda da gama da cama.

sábado, setembro 08, 2007

O Primeiro dia na Ama...

Foi díficil... para ele e para mim!
Cheguei lá passam dois minutos das 11 horas. Entreguei algumas coisas necessárias à ama, fraldas, toalhetes, cremes, duas mudas de roupa, etc.
Ela tomará conta de mais três crianças, mas neste momento só lá está o A. com 2 anos e 8 meses. Para o mês que vêm irá ficar também com o neto, que tem neste momento 4 meses e com mais uma menina, que tem mais 2 meses que o Gil.
O A. é uma criança bastante calma e começou logo a brincar com o Gil, que se entreteve a rastejar por toda a sala, atrás dele. Saí sem ele dar conta, eram 11h30.
Liguei à ama passavam uns minutos das 13h, o Gil chorava que nem um desalmado, o meu coração começou a bater a mil... a ama disse-me que o almoço tinha sido complicado que ele estava de facto muito estranho e não queria comer. Disse-lhe que ia imediatamente buscá-lo. Em 10 minutos estava lá e ele tinha adormecido no colo dela.
Mostrou-me o que ele tinha comido. Não comeu tudo, mas mesmo assim pensei que tivesse comido menos. Afinal pouco restava da sopa e da fruta. Ele dormia, cansado e ainda soluçava durante o sono.
Não quis traze-lo a dormir para casa, pois queria que ele acordasse lá, para ver que aquele seria um novo local, ao qual ele teria de se habituar. A ama colocou-o no berço e eu fui a casa dos meus pais almoçar. Cerca de 40 minutos depois, estava de volta e ele tinha acordado fazia pouco tempo. Estava no berço a palrar, quando me viu foi uma alegria!
Peguei nele, abracei-o e dei-lhe muitos beijinhos!
Agora temos a interrupção do fim de semana, mas na 2ª feira volta lá. Depois na 3ª feira não vai, por ser feriado na Amadora, volta depois o resto da semana. Mas acho que isto vai ser difícil... e em termos emocionais, para mim, também não está a ser fácil.
A ama é uma querida, disse-me logo que ela já está habituada a isto, que é sempre assim, pois ele está na chamada "idade da estranheza". Na próxima semana ainda não será fácil, que talvez só para a outra ele se comece a adaptar de forma positiva. Assim espero que seja!

O tempo continua a ser pouco, para o que quer que seja... ando com as visitas todas atrasadas e sei que anda aí uma corrente de amizade e mais umas distinções que eu ainda não tive tempo de colocar em dia. Logo que possa trato disso.
Agradeço quem ainda me continua a visitar. Beijokas grandes a todas e tenham um óptimo fim de semana!

terça-feira, setembro 04, 2007

Hora do Banho

Agora o banho é assim: muita diversão, muita brincadeira e muita chafurdice, mas muito mimo e muita alegria!

video

Se ele já não me dava descanso... agora nem sei o que diga!

Sinto-me super cansada! O dia devia ter pelo menos 72 horas e o Gil devia dormir pelo menos 48 horas para eu recuperar a minha energia, pois a dele parece interminável!
Ando meio doida com este puto, descobri que o crescimento deles é algo que não devemos perder, pois parece mágico, é inexplicável a forma como um bebé se desenvolve e cada dia tem novas conquistas, que se multiplicam a esta altura do crescimento!
Parece que não o consigo acompanhar, aliás tenho quase a certeza que não consigo!
Quando o deito nunca sei qual de nós está mais cansado, se é ele ou se sou eu!

O que sei é que isto agora anda tudo numa roda viva! Ele não quer estar num local pequeno como o berço, ou um parque como a minha mãe tem lá em casa. Recusa-se a ficar sentado por muito tempo. O que quer mesmo é andar no chão! Rasteja-se pelo chão da casa inteira, se lhe dermos liberdade para isso! A roupa dele fica num lindo estado...
Já me vi obrigada a tirar as revistas da mesa de apoio da sala, porque ele ia lá e começava a tirá-las e a morde-las todas. O descanso do Patrick também terminou de vez! Agora as coisas resumem-se a algo muito simples como, o Gil passa o dia a correr atrás do Patrick e eu passo o dia a correr atrás do Gil!
Movimenta-se com uma agilidade que só visto, bastam dois segundos para atravessar a sala!

Ainda não sei quando é que ele irá para a ama. Só amanhã é que irei ter a reunião no colégio para saber pormenores. Tinham-me dito que iria receber uma carta a solicitar alguns documentos, mas caso isso não acontecesse para lá ir ontem para ter essas informações. Como não recebi a carta fui lá ontem de manhã e a carta estava lá, tinha voltado para trás, mas nem sequer aparecia como devolvida, isto porque o correio é tão eficiente, mas tão eficiente, que em vez de entregar a carta no destinatário, entregou no remetente! Haja paciência!
Agora aguardo que o Gil vá para a ama para voltar à procura de emprego, porque quero que ele se habitue um pouco à ama e só depois é que vou ficar descansada...

Aqui ficam umas fotos dele, nas suas tropelias:
Nesta foto a mesa de apoio ainda tinha as revistas... mas tive mesmo de as retirar dali!


Ele coloca as duas mãozinhas juntas e arrasta-se!


Também faz muita ginástica!


E cuscuvilha a casa toda!


Já ninguém o pára! Ufa...