terça-feira, outubro 31, 2006

Happy Halloween!


Ah pois é... Hoje é noite das bruxas, no meu tempo nada disto existia, hoje é mote para vender umas laternazitas (foleiras como o caraças!), umas abóboras velhas, uns fatos de Carnaval (que só tinham saida em Fevereiro ou em Março) e mais umas decorações que não servem para nada, além de nos fazer gastar uns euros, que não estão nada a mais nas nossas carteiras e de nos fazer sentir umas gastadoras compulsivas...

Isto porque para quem não sabe, hoje também é o dia mundial da poupança! E no que poupei eu hoje? Bem, só se foi em mais um pacote de fraldas oferecido por mais uma das palestras da Toys'R'Us, a última.

Hoje foi mais um daqueles dias "sempreaabrir", acordei cedo e lá fui fazer as análises, depois de quase uma hora lá fui tirar sangue, depois mais uma hora de espera por causa do teste da glicémia e o Gil já estava farto de esperar pelo pequeno almoço... Passei ainda pelo banco para depositar um cheque e fui ter com o Luís à oficina. Acabei por almoçar com ele, o pai e a irmã. Era para ter ido ao Círculo dos Leitores, mas senti-me tão cansada que vim directa para casa. Dormi uma sestita até uma amiga minha, a M., me ligar, já depois de uma mensagem que eu nem vi, a perguntar se queria ir beber café com ela.
Disse-lhe que ia de novo à Toys'R'Us do Colombo e perguntei-lhe se ela não queria vir, pois ela também está de bebé, tem mais 3 semanas do que, embora a gravidez dela não esteja a ser tão calma, como a minha.
Neste momento está de baixa de risco, pois está em pré-eclâmpsia, tem tido tensão alta, está super inchada, a fazer retenção de líquidos, além de já ter tido enormes dores de dentes, etc, etc, etc... diz que de certeza que não vai ter saudades de estar grávida!

E agora estou à espera que o L. acabe de ver o Sporting, para ir comprar mais uma lata de tinta de 1 litro, que acabou por não chegar, para ele amanhã acabar o quartito do Gil.
Ah! E essa minha amiga também usou as tintas da Agatha Ruiz de la Prada e confirma o que eu disse! A qualidade é péssima, deixa marcas mais claras e mais escuras e as cores não ficam nada parecidas com as do catálogo, por isso esqueçam esta marca, que nem sequer é das mais baratas! Este nome está associado à Dyrup, que geralmente é considerada uma boa marca, foi por isso que a adquirimos, mas creio que a Robbialac ou a Cin têm muito melhor qualidade...

Relativamente ao meu "barril de cerveja", é que de facto, quando estou a colocar creme, a imagem que vem à memória é que engoli um desses barris de 25 litros ou lá o que é! :P Não noto diferença no resto do meu corpo, além dos seios e da barriga (o meu barrilzinho!).
E por falar em seios, adquiri o creme de preparação da Chicco, gosto da textura e adoro o cheirinho, tenho usado, mas já alguém usou, aquilo dá algum resultado?

Bem divirtam-se na noite de Halloween, que para mim é um dia igual aos outros, mas já estou a imaginar o meu puto daqui a uns 3 ou 4 anos todo entusiasmado com mais uma festa! :P
Mas no meu tempo, havia no dia 1 de Novembro, pela manhã, o "Pão por Deus", alguém se recorda disso???

6 comentários:

Sonhamos Contigo disse...

Ja oivi falar desse "Pao por Deus", mas nao e do meu tempo, lol!!No meu ja havia o Halloween!!
Bem... foi um dia agitado!!Mas ainda bem k ta td bem ctg e com o Gil!!!
:D

Jinhos e optimo feriado

carla m. disse...

Eu não usei esse creme, na verdade só usei o creme gordo da barral que foi o que o meu obstetra recomendou e não me dei mal com o creme.
Beijos grandes

Sandra J. disse...

No meu tempo, na minha aldeia havia o Pão por Deus, mas aqui o "bicho-do-mato" era tão envergonhada que nunca fui!
Olha, tem cuidado com os dias sempre a abrir senão o Gil ainda nasce antes do tempo!
Bjs

rute28 disse...

Realmente ter uma gravidez calma e saudavel é uma sorte!! Beijinhos !!

Pureza Mello Breyner disse...

Olá!

Venho dar-te a conhecer o meu site:

www.canguru.home.sapo.pt

Visita-o e, se gostares peço que o divulgues, pois é novidade em Portugal!

Espero que o teu bebé goste tanto do pano, como o meu... dá muito jeito!!

Obrigado,
Pureza

Ana disse...

Nunca tinha ouvido falar do Pao por Deus. Como era? As criancas tambem iam de porta em porta pedir doces?
Nasci em Lisboa (Santos-o-Velho) e tanto a minha mae como o meu pai tambem nasceram em Lisboa, talvez seja por isso.
E imperdoavel que nos(portugueses)estejamos a adoptar tradicoes de outros pais enquanto as nossas caiem no esquecimento.
Nao achas Lisa?