sexta-feira, abril 13, 2007

E as coisas boas vêm logo atrás!

Em 1992, quando entrei para a faculdade fiquei radiante!
Se fosse hoje e com aquilo que já aprendi, acho que não teria ficado tão feliz... quis ir para a faculdade para provar a mim mesma e a algumas pessoas que era capaz de tirar um curso superior, que ingénua que fui! Hoje o meu curso não me serve de nada e foi um curso bastante suado, com muitos neurónios suicidas e com muitas pestanas queimadas e afinal para quê?


Mas eu sentia-me especial por andar na universidade, naquela altura era uma tolinha e ainda não tinha aprendido a virtude da humildade, muitas vezes me achei superior por essa condição, que hoje nada vale. Pelo menos o primeiro ano da faculdade fi-lo de forma altiva e um tanto ou quanto arrogante, mas se há coisa para o qual a filosofia me serviu foi para a prender a tal virtude da humildade que hoje prezo mais do que qualquer uma! Alguém que não sabe ser humilde e reconhecer que tudo isto é uma passagem e que temos sempre coisas novas para aprender, anda nesta vida enganado e morrerá dessa forma!
Já no segundo ano comecei a ver que a altivez e a arrogância só fechavam portas e felizmente o meu carácter estabilizou nessa altura, hoje reconheço que era muito tola mas que aquilo não passou de uma fase e que no fundo revelava apenas alguma imaturidade própria da idade.


E agora perguntam vocês, mas a que propósito vem esta conversa toda???


É que no seguimento do post anterior que revela talvez o lado mais cansativo de ser mãe, há um outro lado do qual eu já não prescindo, o mesmo que me fazia sentir superior por ter entrado para a faculdade, hoje faz-me sentir superior por ser mãe, como se ser mãe nos colocasse numa condição acima do comum dos mortais!
Adoro quando vou passear com o meu filhote no carrinho e desperto o olhar das outras pessoas, que insistem em vê-lo lá dentro! Derreto-me quando dizem que o meu filho é lindo! Acho imensa piada quando dizem que ele deve ser sossegadinho, coisa que não é nada, mas que na rua se faz de santinho, para que os outros o vejam como tal.
Digo sempre com prazer a idade dele e fico toda babada quando dizem que ele está grande, óptimo, que é simpático e é lindo! Sorriu sempre quando me dizem que tem mesmo cara de rapazinho e não engana ninguém, por ter mesmo ar de macho!
Apesar das desvantagens já mencionadas anteriormente, estas são as vantagens e valem mais do que tudo o resto e é mesmo como disse, um só sorriso do meu menino vale para desfazer um dia como o de ontem!


Agradeço todas as vossas palavras e agora vamos às respostas:
May, eu não me sinto exactamente culpada por sentir isto, sinto-me apenas invadida no meu espaço, mas isto não é novidade nenhuma, já sabia que ia ser assim, o meu marido é que às vezes parece que não se lembra disso... já adicionei o site aos favoritos, logo que tenha um tempinho passo por lá a ver!
Cláudia, tenho andado tão desligada que ainda nem tinha reparado que tinhas um blog! É claro que vou passar a ser visita assídua!A Daniela é tão linda!
Sofia (mãe do bebinho), também já tentei andar com o Gil no marsúpio em casa, mas não acho que aquilo seja muito confortável para ele, ele já se segura muito bem, mas acaba por adormecer e depois fica ali todo torto... tenho de esperar mais um ou dois meses para ele ficar ali melhorzito porque aquilo ainda é grande para ele!
Carla, no mapa parecia-me mesmo Egipto, afinal é Tunísia! :P Mas olha se puderes não deixes para o turismo sénior, porque é uma viagem muito cansativa e quando formos velhotes, já não temos pedalada para aquilo! Quanto às férias o tal sistema de talões também unidades hoteleiras na Galiza, aliás tem por todo o Portugal e também em Espanha, se quiseres saber mais, avisa!
O meu irmão o ano passado esteve no sítio para onde vou no Sul de Espanha, com a minha sobrinha que tinha na altura 8 meses e não se queixou do calor, aliás diz que estava muito mais calor no Algarve do que lá.
Gio, eu sei que te ris muito com os meus stresses, mas ser mãe é diferente de tudo, acredita que também tem muita coisa boa, mas sabes do que mais falta sinto? Acho que sabes bem... é dos meus fins de semana fora, numa unidade de turismo rural, pelas terras vizinhas ou simplesmente para namorar um pouco... agora resta-me o sofá da sala para não acordar o puto! LOL


O Gil hoje dormiu muito bem, parece que percebeu que eu precisava de descansar um pouquinho mais, já que nos últimos dias ele dormia apenas 6 horas seguidas. Hoje dormiu 8 horas e meia, desde as 0:30 às 9 h, voltou a dormir às 10h30 e acordou às 12:30 e eu também!

10 comentários:

rute28 disse...

Miiiiiiiiga !! Que saudades !!
Ser mãe é uma coisa agridoce e é altamente viciante olha como diz uma amiga minha " é sofrer no paraiso "".
Está lindo o teu menino por isso de toca a babar que tens motivos para isso !!!
beijinhos!!!

Golfinho Filipa disse...

Que bom que hoje já estás mais animada!!! Isto é mesmo assim, uns momentos maravilhosos, outros mais stressados, mas, vale sempre a pena! Um beijinho grande

May disse...

Ainda bem que não te sentes culpada! :)
É sinal que a tua cabeça está saudável!
Olha, já pensaste num sling? http://aervilhacorderosa.com/shop/porta_bebes_baby_slings/portabebes_disponiveis_available/
Talvez ajudasse...
Beijinhos e bom fim de semana

Carla disse...

Vim aqui numa corridinha depois de um dia e uma noite que foram bem agitados para te dizer que concordo inteiramente com aquilo que dizes em relação à faculdade e a ser mãe. Também me senti superior quando entrei para a faculdade e depois, pela natureza do curso ganhei juízo. Neste momento gosto de sentir que consegui vencer, para já, mais uma etapa e tenho um bebé que é só meu (na verdade não é, eu gosto de me enganar e pensar que sim, mas sei que "quando alguém nasce, nasce selvagem...") Tento não me sentir superior por isso, mas sinto-me muito vaidosa :-))))

Se puderes diz-me então como é que é esse tal sistema de talões, porque se as estadia ficam mais baratas é óbvio que me interessa. Como é que dá para saber onde é que têm as unidades hoteleiras? Têm site na net?

Obrigada e beijos

Ana disse...

Sua mama babada...ahahahah, o Gil eh lindo, e tem mesmo cara de rapazinho, ha bebes que enquanto sao pequeninos sao um bocado androgenos, mas quanto ao seu Gil nao senhor, nao ha duvidas.
Ser mama eh o melhor presente do MUNDO.
Nao te perguntas, como passaste tanto tempo sem o Gil? CComo conseguiste viver ate aqui sem ele?
Eu fazia-me esse pergunta muitas fezes.

Barriguita disse...

amiga, imagino que devas amdar cansada... mas como dizes, um sorriso do Gil compensa tudo. E daqui a nada essa fase está a passar e as alegrias vão fazer esuqcer todos os momentos menos bons.

Beijocas

)0( disse...

Não me digas que tiraste Filosofia?! Ele há coincidências.. :)

Deve ser normal sentirmo-nos felizes com as coisas boas (e muito desejadas) que nos acontecem e às vezes caímos no exagero de pensar que isso nos torna especiais..
Boa semana e um beijo para ti e para o "refilão" do Gil ;)

neusa disse...

Realmente tens mesmo que ficar babada o gil é lindo beijokas aos dois e uma boa semana :)

Ruivita disse...

Eu sinto o mesmo quando vou passear com o Cris, sabe tão bem ouvir elogios...
Quanto ao cansaço, oh amiga é mesmo assim, eu também andei assim, andava tão cansada, que me passava até com o homem, por qualquer coisa que não me agradasse, tas a ver, saltava-me a tampa facilmente...Tens de ter calma que esta fase vai passar.
Eu também não tinha tempo para fazer nada, bem ainda hoje às vezes o tempo é curto, o cris não gosta de estar sozinho, mas já se entretem a brincar por vezes sozinho e nesses bocados que eu aproveito. O Gil não tarda também se vai começar a entreter a brincar e a olhar para a TV...Dá tempo e vais ver que ai vais poder descansar mais um pouco.
Beijinhos grandes
Ângela e Cris
htpp://blogs.portaljunior.com/babycris

Cláudia disse...

Sei bem o que isso é.

Ser mãe é uma felicidade extrema, nada se compara.

Sinto tanto orgulho na minha filha como tu no teu. É impossível não nos sentirmos altivas, quando recebemos tamanhos elogios aos nossos filhos.