segunda-feira, junho 04, 2007

Fim de Semana - Arrumações e Birras

O nosso fim de semana passou-se num ápice e foi extremamente cansativo!
No sábado, esteve cá a senhora para me ajudar a lavar as paredes e os tectos. Lavou-me a casa de banho da suite de uma ponta à outra, lavou também os tectos e paredes do meu quarto e ainda deste quarto que estavam num estado lastimoso, agora parecem outra coisa! :)
Entretanto depois de ter dado o almoço ao Gil, o L. levou-o até à casa da irmã mais velha e esteve por lá, até à hora dele ter uma nova refeição.
Eu adiantei as arrumações na cozinha, tratei da roupa e limpei a sala toda, aspirando, limpando o pó e lavando o chão todo. Depois ainda lavei o corredor e tratei da outra casa de banho.
Quando o L. chegou mais o Gil dei-lhe de mamar e a seguir um biberonzinho. E por incrível que pareça ele depois dormiu uma horita, dando-me tempo para pintar um tabuleiro que estou a fazer para mim.
Quando acordou dei-lhe a papita e ficou acordado até ter de tomar banho e voltar a comer. Aí é que fez uma fita daquelas que só ele sabe fazer... não queria mamar nem por nada, só mamou à terceira tentativa.
Na 4ª feira passada começou a fazer "ginetes", isto é, "furiazinhas", começa a fazer força, põe-se muito encarnado e guincha feito doido, dando imensos gritos, acho até que aquilo lhe arranha a garganta... acham normal que um puto com 5 meses faça este tipo de coisas? Agora de cada vez que se irrita com alguma coisa, faz-me isto... sinceramente às vezes até tenho receio de ir a algum lado com ele, porque só me faz passar vergonhas!

A noite de sábado para domingo também não foi fácil, perdi a conta das vezes que me levantei para lhe dar a chucha... E ainda por cima só dormiu 7 horas, quando geralmente dorme pelo menos 9 horas.
Ontem à tarde para mamar foi outro berreiro e não consegui fazer com que ele mamasse, acabei por lhe dar o biberon sem a mama, ainda tentei que mamasse antes da papa, mas repetiu a cena, estica-se todo para trás e nada o faz levar a cabeça ao peito. Fiquei tão triste que até me deu vontade de desisitir de lhe dar peito... :(
À noite creio que o consegui enganar um bocadinho, em vez de lhe dar mama sentada, deitei-o na minha cama e dei-lhe deitada como faço de manhã, resultou, embora ele não tivesse mamado muito. Acho que vou passar a dar-lhe peito só de manhã e à noite se ele continuar assim.

Este miúdo deixa-me de rastos, chego ao fim do dia exausta e cada vez fico mais assustada com a possibilidade de ele ir para uma ama, isto porque ele é um miúdo tão dificil e com tantas birras que nem sei se alguém vai conseguir tratar dele, se eu própria perco a paciência muitas vezes, mais facilmente uma ama a perderá, pois ele é uma criança que exige demasiada atenção, que faz muitas birras, saturando-nos e agora com estes "ginetes", parece-me que vai mesmo de mal a pior. Por estas razões a hora de mete-lo numa ama, começa a tornar-se assustadora...
Ontem fui a uma loja e a empregada estava lá com o filhote de 7 meses, sentado no carrinho super sossegada, acreditem que fiquei com inveja daquela mãe ter um miúdo tão sossegadinho... quem me dera que o Gil acalmasse um pouco...

Felizmente a contrapartida deste seu mau feitio também existe, tem um sorriso enternecedor, tanto tem de chorão como tem de simpático, o seu sorriso é muito matreiro. Agora a sua paixão são mesmo os pezitos, sempre que pode brinca com eles e mete-os na boca. Também está sempre a agarrar tudo o que pode, roupa, bonecos, os meus dedos e até o Patrick, que foge dele a 7 patas! LOL
Cada vez ele olha mais para o gato e tenta meter-se com ele, já percebeu que é diferente dos seus bonequinhos e que não está estático.
Também já olha quando o chamamos, pergunto-me se "será que ele já reconhece o seu nome?". Outra coisa que também o faz rir imenso é ver-se ao espelho, adora ver-se, ri-se e olha para mim através do espelho, olha para a sua figura e também me questiono se "será que ele já reconhece a sua imagem?".

Ele ainda recebeu mais duas prendinhas do dia da criança, um bonequinho da Chicco muito engraçado que o pai lhe ofereceu e um fatinho muito giro que a tia lhe comprou. Tinha um dinheiro de uma troca também para lhe comprar qualquer coisa e ontem comprei-lhe umas sandálias lindas, já a pensar nas férias. Depois coloco uma foto das coisitas todas.

Logo que consiga meto as visitinhas em dia.
Beijokas a todas.

7 comentários:

Cláudia disse...

O Gil é um malandrinho... Póe a cabeça em água aos pais. Eu acho que ele gosta mesmo é de dar trabalho. lol

Ele já está na fase que reconhece o nome, não como sendo o nome dele, claro, mas como sendo um som familiar, que ouve cada vez que se dirigem a ele.
Quanto aos espelhos, é engraçado como eles olham para os nossos olhos através do espelho. Eu fico sempre "surpreendida" cada vez que a Dani faz isso.
Com o tempo, as birras dele vão melhorar. às vezes, até melhoram com a ama, pois os bebés tendem a fazer mais birras com as mães do que com quem toma conta deles. A Dani fica muito bem com a ama ou com a minha mãe, mas é só ver-me que começa a choramingar. Parece que está a fazer queixinhas.

bjs

rute29 disse...

Pois é um miudo cheio de personalidade o meu tb foi demais!!
Amiga paciencia é unico remédio quanto à ama concordo contigo !!
Bom isso é que foi limpar até fiquei cansada!!
Deixo um grande beijinho e mulher descansa um pouco !!!

baby Just disse...

O Rafael faz exactamente essas birras para comer... (gracas a Deus já está melhor´) Esticava-se todo, ficava muuuuuito vermelho e guinchava.... bem só visto, pirralhinhos de 5 mese, como eles já tem personalidade vincadinha.... Olha como escrevi no meu blog, tem melhorado quendo ele dorme antes da refeicao em vez de depois....
Beijokas enormes
Patrícia

maria-joão disse...

"Ginetes!"
Agora que já foram embora da minha vida posso dizer que os adoro. Tão divertidos, que saudades!

Ana disse...

Quantas vezes ja vi maes e pais nos supermercados e noutras lojas super envergonhados com as birras dos filhos, ja vi miudos deitados no chao das loja aos gritos a espernear, e os pais com ares tao infelizes.
Tambem ja foi a minha vez, mas felizmente a Xana nunca foi muito de birras, sai a mae.
Ainda nao chegaste aos "terrible 2's" quando eles ficam uma peste, eh nessa altura que as birras se tornam insuportaveis, o que vale eh que depois acalmam.
Quanto a tua preocupacao de ele ficar numa ama, compreendo muito bem esse teu receio, ja tenho visto cada caso!!!

sonia disse...

:-)))

Bem que azáfama andaste!

Olha o Martim tb me anda a fazer fita com as mamocas, só quer o danado do biberon, nunca lhe consigo dar mama primeiro, tem de ser o biberon e a mama é só o miminho para aconchegar, se tento fazer ao contrário grita e não pega na mamoca!!

Quando pensa em não ficar sentado na esperguiçadeira fica todo vermelho e finca os pés a querer sair dali...

Enfim, eles têm cá uma personalidade...

Beijocas

Kya disse...

Acreditas se te disser que é uma fase e que vai passar? LOL Mas é! Olha, se não tens, recomendo-te vivamente o Grande Livro da Criança do Brazelton. Andei que tempos a namorá-lo, vai não vai para comprar, já tinha tantos livros do género, mas afinal valeu a pena e ele fala muito dessas birras e também do que fala uma pessoa aqui acima num comentário: no facto de as birras acontecerem mais com os pais e de, muitas vezes, as guardarem para os pais mesmo quando estão em amas ou em infantários. É porque, diz ele, guardam as paixões para quem amam! E faz sentido... Qt ao peito, não desistas agora! Aguenta uma semana ou duas e vais ver que passa! Eu tb desisti nesta fase, com a Ana, porque não sabia o que fazer, mas desta vez informei-me e soube que eles fazem "greves de amamentação" quando têm surtos de desenvolvimento, como já deves ter lido quando disse o mesmo à Patrícia. Neste forum encontras muita info e ajuda sobre o tema: http://boards.babycenter.com/n/pfx/forum.aspx?webtag=bcus3402
Quanto às birras e fúrias, tb passam, querida. E não te envergonhes porque as outras pessoas não interessam nada e só mesmo quem nunca teve filhos pode ficar a olhar com cara de burro! Eu rio-me qd o Gil faz disso em público e até lhe faço palhaçadas e dou-lhe mimos e ele começa a rir em vez de gritar. Ou pego-lhe ao colo, o mais que posso, porque ele já percebeu que há tempo para tudo e que, se o pousar de novo, tem de esperar um pouco e depois torna a ter colo. Assim se começa a ensinar tolerância, paciência, respeito, às crianças... Para não alongar mais este comentário, devo dizer-te apenas que o melhor que tens a fazer no caso das birras, mesmo em casa, é ignorar e fazer de conta que está tudo bem. Se não as valorizares, o bebé desiste. Mas também tens de ver se ele não precisa realmente de algo para se sentir melhor, nem que seja uma sonequinha ou de sossego ou rotinas (se for mt excitável, só assim serão todos felizes lá em casa!). Bjs